Como fazer a aplicação de um bom revestimento na cozinha?

Veja como fazer o cálculo de pisos e revestimentos para saber a quantidade que você deve comprar para sua obra! Leia agora mesmo o nosso artigo.
Cálculo de pisos: aprenda a fazer e evite desperdício em sua obra
27 de fevereiro de 2019
Descubra tudo sobre os pisos atérmicos em nosso post e veja quais são as suas possibilidades no mercado. Confira!
O que são pisos atérmicos e como eles funcionam?
13 de março de 2019
Veja como funciona o assentamento de revestimento na cozinha entre as principais alternativas e tire as suas dúvidas!

Escolher um bom revestimento na cozinha é fundamental para dar a cara certa ao cômodo. Com a decisão correta, o local combina com o estilo de decoração do restante da casa e ainda garante conforto e praticidade. Há materiais de diversos tipos, como os com cerâmica e até madeira, além de várias cores, indo do branco às estampas e padrões.

Além de dotar as possibilidades adequadas, a aplicação das peças deve ser feita adequadamente, de modo a evitar transtornos. Na sequência, veja como funciona o assentamento de revestimento na cozinha entre as principais alternativas e tire as suas dúvidas!

Ladrilhos

Os ladrilhos hidráulicos trazem um ar vintage e garantem total personalização para o ambiente. Assim como acontece em qualquer outra opção, a superfície deve estar limpa, livre de gordura e poeira. Além disso, corrigir pequenas falhas também facilita o acabamento.

Depois de garantir que tudo está nivelado, o assentamento acontece de forma tranquila. Basta usar uma camada de argamassa sobre um pouco de pó de cimento. Com o material levemente úmido, deve-se fixar o ladrilho — a pressão fica por conta de uma desempenadeira de madeira.

Pastilhas

Já as pastilhas são pequenas peças que podem ser quadradas ou ter outros formatos. Normalmente, são feitas de cerâmica, vidro ou porcelana. Quando for realizar a aplicação na área escolhida, só é preciso ter cuidado para garantir o bom alinhamento das pastilhas.

Revestimento 3D

O revestimento 3D é uma opção interessante para a cozinha, pois traz uma proposta moderna. Ele é fabricado com cimento ou cerâmica, entre outros materiais menos comuns. Como, normalmente, há um padrão a ser seguido, é preciso realizar a paginação — processo de planejamento do encaixe adequado das peças para que formem o visual esperado.

Na maioria das vezes, a aplicação é feita com cola de contato. Depois, é só posicionar na área e, se for o caso, fazer o acabamento com massa corrida.

Cerâmica

A cerâmica é muito utilizada como revestimento na cozinha. Ela é prática de limpar, aparece com várias propostas e se adapta a diversos estilos decorativos.

O assentamento depende de cada fabricante, mas, normalmente, não há grandes dificuldades. A argamassa é espalhada com uma desempenadeira dentada e as peças são posicionadas no material ainda úmido. Os espaçadores garantem o posicionamento e permitem retirar o excesso de argamassa.

Em geral, é preciso esperar de 3 a 14 dias até a cura completa do processo, de modo que os materiais fiquem bem presos.

Mosaicos

Os mosaicos criam um visual inovador e único para a cozinha. A intenção é juntar várias peças para dar origem a um mural ou a formas e desenhos específicos.

Por causa do tamanho, as pastilhas são as mais indicadas, mas também dá para usar ladrilhos e até cerâmicas estampadas. A aplicação é igual aos materiais isolados, mas a diferença está na hora de montar o visual, pois é preciso planejar onde cada peça será usada para que o resultado seja perfeito.

Madeira

A madeira é um revestimento que fica melhor nas paredes da cozinha, de modo a não sofrer com a umidade. O estilo é bem rústico e, ao mesmo tempo, contemporâneo.

Nas paredes, o comum é usar painéis, o que exige apenas a aplicação de cola especial. Se for o caso, há a adoção de pregos ou parafusos específicos, com total fixação no espaço. Com as ripas, é preciso ter um pouco mais de cuidado, porque elas podem empenar e quebrar. Em geral, os itens de fixação são colocados diretamente na alvenaria para diminuir os impactos.

Tão importante quanto selecionar é aplicar corretamente o revestimento na cozinha. Como cada um tem um processo específico, o melhor é contratar um profissional especializado para não ter erros.

Gostou deste conteúdo? Então curta a nossa página no Facebook e esteja sempre por dentro das novidades para o seu lar!

Ekológika
Ekológika
Ambiente de um jeito único

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whatsapp